PORTAL DOS TRABALHADORES E TRABALHADORAS DE CAXIAS DO SUL E REGIÃO

         

Caminhada de protesto alerta sobre os prejuízos das reformas do governo Temer

caixão

Com velas e um caixão simbolizando as perdas caso as reformas propostas pelo Governo Federal sejam aprovadas, a caminhada luminosa de protesto organizada pelos sindicatos caxienses e entidades sociais, teve como ponto de partida a sede central do Sindicato dos Metalúrgicos seguindo pelas ruas centrais até a Praça Dante Alighieri. “Este ato faz parte das movimentações de abril que culmina com a Greve Geral no próximo dia 28. Precisamos de mobilização e união dos trabalhadores e da sociedade, caso contrário viveremos um retrocesso que vai acabar com os direitos conquistados, voltando para um regime de escravidão”, comentou a diretora do Sindicato, Eremi Melo.

O ato, iniciado às 17h30, prosseguiu às 19hs até o Tri Hotel onde aconteceu uma audiência pública promovida pela Comissão do Trabalho, Administração e Serviço Público (CTASP), da Câmara dos Deputados, para discutir a Reforma Trabalhista. O evento sob a coordenação do deputado federal Assis Melo (PCdoB-RS), também abordou  temas como a terceirização e a reforma da Previdência.

A audiência contou como debatedores o juiz Rodrigo Trindade de Souza, presidente da Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho, 4ª Região (AMATRA IV); Marcos Verlaine, representante do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (DIAP); Guiomar Vidor, presidente da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB-RS); Antônio Güntezel, representando Claudir Nespolo, presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT-RS); Juiz Rafael Silva, titular da 4ª Vara do Trabalho; Paulo Juares Vieira, procurador regional do trabalho; Oniro Camilo, presidente da Nova Central Sindical do Trabalho (NCST-RS); e, representante da Fitmetal.

Seja o primeiro a comentar em "Caminhada de protesto alerta sobre os prejuízos das reformas do governo Temer"

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.


*