PORTAL DOS TRABALHADORES E TRABALHADORAS DE CAXIAS DO SUL E REGIÃO

         

Lideranças apontam protagonismo da CTB em iniciativa para fortalecer democracia e classe trabalhadora

Por Railídia Carvalho

A realização neste sábado (20) da 1ª Plenaria Nacional Virtual dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil está sendo considerada um marco por dirigentes da Central de Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB). O Portal CTB conversou com o comerciário Guiomar Vidor, presidente da CTB no Rio Grande do Sul, com Sergio de Miranda, agricultor e dirigente nacional da central, e a educadora Valéria Morato, presidente da CTB-MG. Para as lideranças, a plenária impulsiona a luta da classe trabalhadora. 

“A plenária é fundamental porque somente a unidade dos trabalhadores e trabalhadoras para garantir seus direitos e defender a democracia é que farão com que a gente retome o Brasil para os brasileiros”, disse Valéria. Segundo ela, mesmo diante de uma crise econômica que se aprofunda em meio às crises sanitária e política o governo não pensa no povo. “Querem entregar o Brasil nas mãos do capital internacional e colocar os trabalhadores e trabalhadoras em um realidade análoga à escravidão”, ressaltou a dirigente.

Na opinião de Guiomar, concretizar uma plenária virtual reunindo milhares de militantes é fundamental neste momento de crise aguda no Brasil. “Uma plenária nacional vai dando a possibilidade de ser construída uma resistência unificada e mais uma vez a CTB sai na frente preparando os dirigentes para o acirramento da luta política”. “É um governo que desconstrói as conquistas dos trabalhadores e trabalhadoras”.

O trabalho no campo tem sido um dos principais alvos do governo Bolsonaro, destacou Sérgio. “Infelizmente os agricultores ficaram de fora da renda emergencial, um  descaso com aqueles que vivem no campo e produzem alimentos”. Jair Bolsonaro vetou a inclusão dos trabalhadores e trabalhadoras rurais na renda emergencial para informais. De acordo com Sérgio, havia nesta semana a possibilidade de apreciação do veto mas não aconteceu.

“A plenária vai ser uma demonstração de força da classe trabalhadora liderada pela CTB. Certamente será uma das maiores plenárias virtuais já realizadas no país. O debate vai dar um impulso maior ao movimento sindical para continuar enfrentando o desemprego, enfrentando a má vontade do governo de atender as reivindicações e amenizar o drama da classe trabalhadora. Será um momento de impulsionar a luta”, avaliou Sergio.

O governador do Maranhão Flávio Dino (PCdoB), o ex-candidato à presidência pelo PDT, Ciro Gomes, e o deputado Federal Orlando Silva (PCdoB-SP) abordarão a conjuntura nacional. A participação deles abre a plenária e será transmitida pelas redes sociais da CTB. Haverá um segunda momento de debates voltados para “Os desafios do Movimento Sindical”. As inscrições prosseguem e podem ser realizadas AQUI.

Confira a programação na íntegra:

Confira a programação da 1ª Plenária Nacional Virtual dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil

09h00 – Ato de Abertura
09h30 – Apresentação da Proposta de Resolução Política 

10h00 – DEBATE SOBRE CONJUNTURA

FLÁVIO DINO– Está no segundo mandato como Governador do Maranhão pelo PCdoB. É advogado e professor universitário

CIRO GOMES – Ex-Ministro da Fazenda e da Integração Nacional, Ex-Governador do Estado do Ceará, Ex- Deputado Federal e Estadual, Vice-presidente do PDT, Advogado e Professor Universitário.

ORLANDO SILVA – Ex-Ministro do Esporte e Deputado Federal pelo PCdoB/SP 

12h30 às 14h- Intervalo

14h00 – Redes Sociais na disputa da Narrativa
14h10 – Juventude e Trabalho
14h20 – A centralidade da Saúde e Segurança para Vida e o Trabalho 

14h30 – DESAFIOS DO MOVIMENTO SINDICAL

18h00- Sistematização – Proposta de Resolução Política
18h30 – Encerramento e Live Cultural