PORTAL DOS TRABALHADORES E TRABALHADORAS DE CAXIAS DO SUL E REGIÃO

         

Metalúrgicos decidem realizar ações em defesa do Brasil

Assis

Na noite desta terça-feira, 29 de maio, o Sindicato dos Metalúrgicos de Caxias do Sul e Região reuniu a categoria para debater sobre a situação do país e a greve dos caminhoneiros. Metalúrgicos e metalúrgicas alinharam a organização de comitês que devem debater nos bairros de Caxias do Sul questões como os aumentos do gás de cozinha e dos combustíveis. As ações “em defesa do Brasil, da democracia, da liberdade do nosso povo e eleições livres, fora Pedro Parente, fora Temer” devem iniciar nos próximos dias e foi proposta pelo ex-deputado federal, Assis Melo.

A pauta surgiu devido aos acontecimentos dos últimos dois anos, com as pautas de retrocessos do governo ilegítimo de Michel Temer como a do congelamento dos gastos públicos por 20 anos, a aprovação da reforma trabalhista e a tentativa de incluir para votação a reforma da Previdência, além da nova política de preços da Petrobrás que acarretou na greve dos caminhoneiros.

“Os comitês têm o objetivo de debater a redução dos preços do gás de cozinha e dos combustíveis. Itens que têm um grande impacto na renda das famílias. Através desses comitês podemos chegar mais próximos das pessoas para debater essas questões de suma importância para todos nós. Apoiamos a greve dos caminhoneiros que Temer não quer solucionar e tenta vencê-los pelo cansaço. Mas, estamos vendo pedidos de intervenção militar. É necessário que a população entenda que se houver intervenção, não vamos ter o direito de realizar manifestações, muito menos greves como essa”, avaliou Assis Melo.

Seja o primeiro a comentar em "Metalúrgicos decidem realizar ações em defesa do Brasil"

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.


*