PORTAL DOS TRABALHADORES E TRABALHADORAS DE CAXIAS DO SUL E REGIÃO

         

Na terceira rodada de negociações, reivindicações são abertas para debates

Índice de reajuste segue sendo empecilho para fechar acordo que deve ser levado a votação na assembleia de trabalhadores

O Sindicato dos Metalúrgicos de Caxias do Sul e Região e o Simecs (sindicato patronal) voltaram a se encontrar, no final da tarde desta quarta-feira, 15 de julho, para debater as questões referentes à Convenção Coletiva 2020/2021. Esta é a terceira rodada de negociações entre as partes.

A reunião iniciou com documentos de propostas e contrapropostas sendo entregues pelas entidades e a abertura de discussões sobre reivindicações dos metalúrgicos e metalúrgicas e das pautas patronais. O banco de horas foi colocado na mesa, porém, logo excluído pela direção dos trabalhadores. Segundo o Sindicato, essa cláusula não é mais negociável além do que já consta na Convenção. “O que vocês querem é torná-la uma flexibilização total e eterna”, declarou o presidente Assis Melo.

Outros itens ficaram em aberto como é o caso do home office. Para esse item, o Sindicato dos Metalúrgicos e o Simecs devem estudar e ampliar as condições para o novo modelo de trabalho.

Índice

O reajuste salarial segue sendo o grande obstáculo das negociações. O patronal afirma que seus associados, a grande maioria de pequenas e médias empresas, não têm interesse de realizar a negociação neste momento. Segundo os empresários, o Sindicato precisava afinar ainda mais as propostas.

O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos voltou a questionar a entidade empresarial. “Então, vamos afinar para colocar no dos trabalhadores? Vamos pisar no pescoço dos trabalhadores? Sabemos que a maioria dos associados é de pequenas e médias empresas, mas fornecem para as grandes. Quanto mais arrochar o salário, mais teremos uma sociedade miserável. Onde vocês compram, o trabalhador também compra. Vocês sabem quanto custa uma cesta básica? Isso é mais uma vez tentar tirar de quem não tem. Estamos discutindo inflação devido aos problemas que a pandemia trouxe. Caso contrário, não estaríamos discutindo 2.05. Sinceramente”, ressaltou Assis Melo.

Assembleia

As reivindicações e pautas seguem sendo tratadas por videoconferência e telefone até sexta-feira, 17 de julho, para que a proposta final seja levada a assembleia geral virtual da categoria metalúrgica no sábado, 18 de julho, às 9h30min.

O link para acesso à assembleia é https://us02web.zoom.us/j/87666371202?fbclid=IwAR0gGsujIcD3jLTtjELTDgXRP6JOWclljDkhOGGOl3ZCh415534JWVr3UtA#success

Abrangência

As cidades abrangidas pela Convenção Coletiva dos sindicatos são: Caxias do Sul, Garibaldi, Flores da Cunha, São Marcos, Nova Pádua, Farroupilha e Nova Roma do Sul.

Data-base

A data-base da categoria metalúrgica da região de abrangência citada acima é 01 de junho.