PORTAL DOS TRABALHADORES E TRABALHADORAS DE CAXIAS DO SUL E REGIÃO

         

NOTA EM DEFESA DA DEMOCRACIA!

Foto: Wilson Dias/ Agência BrasilFoto: Wilson Dias/ Agência Brasil

A direção executiva do Sindicato dos Metalúrgicos de Caxias do Sul e região considera que é muito grave para a democracia e as garantias Constitucionais quando um deputado tenha que abrir mão do mandato para o qual fora eleito e mudar-se para fora do país devido a ameaças de morte, como é o caso do deputado federal Jean Willys, do Rio de Janeiro.

É sabido que o Rio é, atualmente, um estado dominado pelas milícias – grupos criminosos especializados em extorsão e assassinatos, que sobrevivem a revelia do estado. Também é sabido que há mais de 320 dias ocorreu o assassinato de uma parlamentar carioca, Mariele franco e seu motorista, Anderson Gomes. Um caso de repercussão mundial que até o momento não foi resolvido. Quem matou Mariele e Anderson? Quem mandou matar? Quem ameaça de morte Jean Willys e seus familiares?

A democracia no Brasil não pode mais conviver com este tipo de terror e violência. Estes grupos de extermínio não podem ser incentivados, tem de ser identificados, desbaratados e seus integrantes exemplarmente punidos, conforme determina a Lei.

Diante do exposto, expressamos toda a nossa solidariedade ao deputado Jean Willys. Nós, trabalhadores, acreditamos na DEMOCRACIA e nos valores que garantem os direitos e a dignidade humana, assegurados na nossa Constituição, como único caminho para o Brasil enfrentar e superar as dificuldades.
DIREÇÃO EXECUTIVA DO SINDICATO DOS METALÚRGICOS DE CAXIAS DO SUL E REGIÃO.

Seja o primeiro a comentar em "NOTA EM DEFESA DA DEMOCRACIA!"

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.


*