PORTAL DOS TRABALHADORES E TRABALHADORAS DE CAXIAS DO SUL E REGIÃO

         

Sindicato quer a recomposição do poder de compra dos salários dos metalúrgicos e metalúrgicas

reunião 2

Patrões oferecem somente inflação

 

Na manhã desta terça-feira, 18 de junho, ocorreu a segunda reunião de negociação da campanha salarial da categoria metalúrgica de Caxias do Sul e Região. O setor patronal – SIMECS- apenas confirmou a proposta sinalizada na primeira reunião, ocorrida no dia 11, de repassar somente a inflação do período da data-base (01 de junho), que é de 4.78%.

O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, Assis Melo, e os diretores presentes na reunião consideraram a proposta insuficiente, já que não enfrenta a questão principal e prioritária para os metalúrgicos: uma negociação, e um índice, que representem a recuperação do poder de compra dos salários, defasados não só pela inflação, mas também pela intensa rotatividade, que é quando os patrões demitem quem ganha mais para contratar outros funcionários por menos na mesma função.

“Esperamos que a negociação avance mais, e que os patrões se sensibilizem com a realidade da renda dos metalúrgicos. Esperamos uma proposta que atenda o principal problema da categoria: a necessidade da recuperação da renda e da capacidade de consumo dos metalúrgicos. Com mais renda, o metalúrgico consome mais, isto gera qualidade de vida e mais empregos em outros setores da cidade, como o comércio”, disse o presidente Assis Melo.

Uma nova reunião de negociação ocorrerá no dia 25 de junho.

 

Site