PORTAL DOS TRABALHADORES E TRABALHADORAS DE CAXIAS DO SUL E REGIÃO

         

Votação da Reforma Trabalhista na CAS esquenta clima da greve geral

00-mina

O resultado da votação desta terça-feira (20) na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) do Senado foi um plus de combustível para esquentar ainda mais o clima para a greve geral do próximo dia 30. A conclusão foi da deputada Jandira Feghalli (PCdoB/RJ), na reunião da liderança do Bloco da Minoria na Câmara dos Deputados, em conjunto com as centrais sindicais. Jandira avaliou que o resultado é uma mostra de que as coisas estão em movimento no Congresso e que a pressão sobre os parlamentares resulta na mudança de posições.

O líder do Bloco, deputado José Guimarães (PT/CE) avaliou que a derrota de Temer no Senado alerta para a necessidade de concentrar ainda mais esforços de pressão dos parlamentares nas suas bases eleitorais, especialmente, nos aeroportos.

Alice Portugal, líder do PCdoB na Câmara também analisou a importância de reforçar as mobilizações da GREVE GERAL do próximo dia 30. “Precisamos assegurar a paralisação dos setores estratégicos, como transportes, indústrias, bancos, etc. fazendo com que os ‘patrões’ dos senadores sintam no bolso a insatisfação popular com as propostas de reformas e eles só sentirão com a paralisação da produção. A votação da CAS é uma injeção de ânimo para a greve e mostra que a pressão do povo já está dando frutos”, disse Alice.

Pela CTB participaram os dirigentes Vicente Selistre, João Paulo Ribeiro (JP) e Paulo Vinícius (PV), que defenderam uma ação dos deputados do Bloco da Minoria para ajudar nas mobilizações de 30 de junho. “É fundamental que os parlamentares denunciem o verdadeiro estupro à democracia que vem sendo cometido, quando barram sindicalistas das centrais de acompanhar uma votação que diz respeito diretamente aos interesses dos trabalhadores a que eles representam”, chamou a atenção Paulo Vinícius.

A CTB também defendeu que os deputados contribuam, em seus canais de comunicação, em suas falas de Plenário e em entrevistas, com a propaganda da GREVE GERAL. Outra questão levantada pela CTB foi a da denúncia a proposta indecorosa de Temer, que tenta arrefecer a luta dos trabalhadores com a negociação com alguns setores do sindicalismo de um suposto imposto sindical.

Portal CTB

Seja o primeiro a comentar em "Votação da Reforma Trabalhista na CAS esquenta clima da greve geral"

Deixe seu comentário

Seu email não será publicado.


*